Em um evento em Tel Aviv, Israel, o Evangelista Técnico da Microsoft, Bruce Harris, compartilhou novos detalhes sobre o HoloLens, óculos de realidade aumentada da empresa.

Como informa ao Petri, Bruce diz que qualquer aplicativo universal que rode no Windows 10 vai funcionar nativamente no aparelho. Ele disse ainda que o HoloLens será fabricado pela Microsoft e 100% sem fio, utilizando Wi-Fi e Bluetooth para comunicação, diferentemente dos seus “concorrentes” (estre aspas mesmo, visto que o HoloLens é mais voltado para o mercado empresarial, mas que cumpre a função do entretenimento casual): o PlayStation VR que precisa do console para funcionar e o Oculus Rift, do Facebook, que já vem com o fio HDMI plugado ao aparelho.

Em questão de bateria, Bruce informou que o HoloLens pode chegar a até cinco horas e meia de uso normal. Em uso pesado, levando o aparelho ao limite, duraria cerca de duas horas e meia.

O campo de visão do monitor é similar a uma tela de 15 polegadas dois pés à frente do rosto. A razão para esse tamanho é minimizar os custos e a vida da bateria. Bruce disse que sabe que o aparelho precisa de melhorias, e que a companhia só pode aumentar o campo de visão se o preço fizer sentido.

View post on imgur.com

Por fim, a experiência pode ser compartilhada, uma vez que dois ou mais usuários podem ver um objeto ao mesmo tempo. Para isso, os aparelhos não podem estar no mesmo local e precisam compartilhar um link pela internet.

Considerações

A bateria é uma questão delicada: ao mesmo tempo que ela deve durar o suficiente para que usuários possam concluir suas tarefas (construir maquetes, jogar, andar em Marte), ela não pode esquentar o bastante para se tornar inutilizável. A Microsoft precisa montar um dispersor de calor muito eficiente, afinal, se muitos de nós não confiamos em nossos smartphones que esquentam em nossas mãos, imagine um aparelho fixado à cabeça?

Deixem suas opiniões nos comentários. Vamos mantê-los informados quanto a qualquer atualização, até lá, fiquem ligados ao TH1 para mais notícias!