Dessa vez estamos em São Francisco

O primeiro Watch Dogs foi ambientado na vigiada cidade de Chicago. Agora, no segundo título da franquia, nós podemos explorar a vívida e inovadora cidade de São Francisco!

A Ubisoft promete ser fiel em cada detalhe na ambientação da cidade, seja em pessoas, clima, iluminação ou pontos turísticos. Ainda teremos o tão famoso Vale do Silício com algumas empresas de tecnologia criadas para o jogo e que deverão ser as supostas gigantes da tecnologia por lá: Blume, Invite (uma provável referência ao Facebook), TidisNudle, além de muitas outras corporações que tentam manipular o mundo.

São Francisco também existe no submundo, e por isso haverá facções de grupos criminosos disputando territórios na cidade.

ctOS 2.0

O sistema operacional de cidade inteligente está de volta em Watch Dogs 2 e foi instalado com sucesso em São Francisco!

Logo no trailer de anúncio vimos que a DedSec não apoia a adoção do sistema na cidade e uma das atitudes que pode ser vista é modificar o nome ctOS 2.0 em um painel LED por #BigBrother2.0, fazendo uma óbvia alusão ao Grande Irmão do livro 1984, sendo aquele que pode ver e ouvir tudo e nunca ser desligado.

Graças ao ctOS muitas organizações estarão tentando utilizá-lo para benefício próprio, seja para fazer mais dinheiro ou se tornar cada vez mais influente.

Todas as pessoas e automóveis do jogo podem ser hackeados, além da grande maioria dos dispositivos eletrônicos espalhados por São Francisco.

Nós somos Marcus Holloway

“Por causa das injustiças que ele viu acontecer, tanto por ser de Oakland como também por ter sido perfilado de forma errada e acusado de um crime que não cometeu, isso o fez se virar contra o sistema”

Em Watch Dogs 2 nós viveremos sob a pele de Marcus, um jovem hacker que é ótimo lutador e que pratica muito parkour.

Uma das principais armas do Marcus foi feita em casa: uma bola de bilhar perfurada e amarrada à uma correia. Simples, mas rápida e letal.

O uso da impressora 3D também será recorrente em Watch Dogs, este que é um recurso repleto de possibilidades e está presente em nosso mundo real.

O Retorno da DedSec

O Retorno da DedSec

Os hackers da DedSec estão e volta, e em Watch Dogs 2, alguns membros estão mais interessados em “hacktivismo”. O termo pode soar estranho, mas nós já estamos acostumados com isso. Consiste basicamente em hackear ou manipular websites para promover certo tipo de ideologia. Questões como liberdade de expressão e direitos humanos são recorrentes.

O grupo Anonymous, por exemplo, é um dos que praticam hacktivismo de vez em quando, mantendo o lado da diversão.

Watch Dogs 2 estará disponível a partir do dia 15 de novembro no PC, PlayStation 4 e no Xbox One!

Deixem suas opiniões nos comentários. Vamos mantê-los informados quanto a qualquer atualização. Até lá, fiquem ligados ao TH1 no Facebook para mais notícias!

 

VOLTAR AO INÍCIO